Como Escrever Textos Para Site – Parte I

O artigo da dicas importantes sobre como escrever textos para site ou blog, de modo que fique interessante para os mecanismos de pesquisas como google, yahoo e bing

textos para sites ou blog conteúdo

É de conhecimento publico que os mecanismos de pesquisas importam-se tanto com o conteúdo do seu site que baseiam nele o rankeamento atribuindo ou não uma relevância de acordo com o tema ou palavra chave pesquisada. Além disso qualquer que seja o texto em seu site ele tem a função clara de informação e na maioria das vezes de vender algo, seja um produto, serviço ou até mesmo uma idéia.  Pensando nisso elaboramos uma pequena mescla de  tópicos para você escrever bem um texto que será utilizado no seu site, blog, loja  ou apresentação virtual.

Do ponto de vista  dos mecanismos de pesquisa  os textos para site ou blog devem conter:

  • O seu texto deve conter ao menos 300 palavras, porque menos que isso é encarado como falta de conteúdo.
  • Escolha suas palavras chaves (que serão utilizadas para procurar seu site na web) e não exagere para não dispersar o foco, duas serão suficientes.
  • Sua palavras chaves devem configurar no texto ao menos 6 vezes, inclusive em títulos e subtítulos.
  • Evite copiar textos prontos da internet.

Do ponto de vista do Marketing os textos para site ou blog devem ter:

  • Construa um texto utilizando expressões positivas ou que induzam a construção de um raciocínio favorável ao seu produto.
  • Divida seu texto em três partes: o problema, a solução e o resultado, é basicamente assim que funcionam as campanhas de marketing.
  • Seja autentico e verdadeiro, de nada adianta vender um produto, um serviço ou uma ideia se ela não corresponder a verdade.
  • Não critique o produto concorrente, se possível nem lembre que ele existe, de foco somente ao seu.

Do ponto de vista da gramática

  • Evite regionalismo isso pode tornar seu texto incompreensível em certas partes do país.
  • Não seja demasiadamente técnico, a não ser que seu publico seja especifico.
  • Não utilize gírias em demasia, a não ser que façam parte do trabalho de marketing ou sirvam para ilustrar uma situação.

 

De maneira geral estas dicas darão ao seu texto a qualidade para figurar nos mecanismos de busca, ser compreendido e por fim vender “seu peixe”.